Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

UNICAMP E ITAIPU VÃO PRODUZIR HIDROGÊNIO COMBUSTÍVEL

Hidrelétrica de Itaipu vai usar sobra de água para produzir hidrogênio combustível, com tecnologia criada na Unicamp

Da Unicamp

Posto com hidrogênio combustivel

Abastecimento de hidrogênio combustível

A hidrelétrica de Itaipu deve começar a produzir hidrogênio combustível até o final do ano que vem. O projeto executivo da construção de um laboratório que servirá como planta-piloto para produção e desenvolvimento da tecnologia do hidrogênio está pronto e foi apresentado pelo Laboratório de Hidrogênio do Instituto de Física da Unicamp, parceiro da empresa nas pesquisas sobre a economia do hidrogênio.

Itaipu decidiu investir na tecnologia do hidrogênio para aproveitar a água que sobra em épocas de muita chuva. Quando o volume de água é superior à capacidade de armazenamento de Itaipu e a energia a ser gerada por esse volume de água não tem como ser consumida, a água é “vertida”, ou seja, abrem-se as comportas e ela passa livremente. Na prática, a água vertida é energia perdida. “Não temos como armazenar grandes quantidades de energia. A idéia é aproveitar essa água para, por meio do processo de eletrólise, produzir hidrogênio”, explica o engenheiro Marcelo Miguel, técnico da Divisão de Engenharia de Itaipu.

A Unicamp presta assessoria técnica e científica para a implementação do Programa de Hidrogênio em Itaipu. As obras da planta-piloto estão orçadas em R$ 1 milhão e a hidrelétrica prepara o edital para licitar a construção, que deve começar também em 2009. O laboratório terá quase 600 metros quadrados de área construída e foi projetado para produzir 10 metros cúbicos de hidrogênio por hora.

Um dos desafios enfrentados por grupos de pesquisa de vários lugares do mundo é produzir hidrogênio a custos competitivos. Mas, em Itaipu, as pesquisas terão uma preocupação maior com o uso do hidrogênio em veículos. A usina utilizará o hidrogênio produzido em pequena escala em veículos que circulam dentro de suas instalações para transporte de visitantes e funcionários. Dois ônibus e dois carros serão as “cobaias” do desenvolvimento da tecnologia em Itaipu. “Em todo o mundo, temos desenvolvimento de veículos que usam hidrogênio. É um grande mercado”, aponta Ennio Peres da Silva, coordenador do Laboratório de Hidrogênio da Unicamp. (Mais informações)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: