Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

Arquivos Diários: 22 agosto, 2010

VÍDEO: COPIAR NÃO É ROUBAR

Vídeo mostra a diferença básica entre copiar e roubar

“Copiar não é roubo”, animação de Nina Paley para o projeto questioncopyright.com. Legendas inseridas por http://www.portaldetonando.com.br

Vi no blog do Nassif

Leia mais em Educação Política:
BRASILEIRO PAGA DEZ VEZES MAIS POR BANDA LARGA E O DEM, PARTIDO DO VICE DE JOSÉ SERRA, FAZ O TRABALHO SUJO QUE NEM AS TELES OUSARAM FAZER
BANDA LARGA NA UTI E EMPRESAS DE TELEFONIA QUEREM BOICOTAR O PLANO NACIONAL DE BANDA LARGA
ESTADÃO INCRÍVEL: EDITORIAL DEFENDE PLANO DE ACESSO À INTERNET QUE COLOCOU UM COMPUTADOR PARA CADA 63 MIL HABITANTES
JORNALISMO CHAPA ROSA NÃO FALA DA MANIPULAÇÃO DAS TELES PARA DESTRUIR O PLANO NACIONAL DE BANDA LARGA

INTERNAUTA: O QUE É UM CIENTISTA POLÍTICO?

Por Fernando Cordeiro

O quê é um cientista político?
Será alguém que produz análises a partir de estudos e fatos anteriormente comprovados ou outrem que dá pitacos a partir das ordens que recebe de seu editor chefe?
Deixemos de lado o LULA e seu governo.
Vamos comentar o posicionamento da “cientista”:

Que experiência administrativa ela apresentaria do Abraâo, presidento dos Estados Unidos da América para ter conduzido o seu País (quais os diplomas ele apresentava)?
E o fazendeiro George, aquele que dá o nome a capital do americanos?

Agora, se o LULA administrou com perfeição, fazendo de um País quebrado (tava quebrado mesmo com o dólar a quase R$ 4,00) e o com o desemprego batendo nas nuvens um lugar para onde as pessoas estão voltando (brasileiros na américa e no japão) ainda assim ele é incompetente?

Não é bastante engraçado ver gente como Lúcia Hipólito e Gilmar Mendes, não ter a menor capacidade para exercer um cargo público através da escolha de seus compatriotas?

Será que a maioria das pessoas desse País é tão estúpida a ponto de não reconhecer a virtude de tão ilustres personagens?

Rui Barbosa, o Águia de Haia, e FHC, o Farol de Alexandria, um tendo insucesso e outro provado do “sucesso” tiveram coragem, a Lúcia teria?

Leia mais em Educação Política:

%d blogueiros gostam disto: