Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

Arquivos Diários: 25 dezembro, 2010

PRESENTE DE NATAL: COMO FAZER UM IMPEACHMENT DE GILMAR MENDES? GRAMPO SEM ÁUDIO EQUIVALE A TORTURA NA ÉPOCA DA DITADURA

A revista Veja mostra em reportagem seus métodos jornalísticos

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, foi um desastre como presidente do Supremo. Ele deixou evidente quando o presidiu que o problema da democracia não está no Legislativo nem no Executivo, mas no judiciário (letra minúscula). É o judiciário que está emperrando o desenvolvimento do Brasil, a justiça, a igualdade e o limite razoável de paz social.

Para evitar esses avanços na sociedade brasileira, todo e qualquer recursos são usados.

A farsa do grampo, promovida pela revista Veja, é um dos maiores escândalos da redemocratização.

Isso porque ela afeta diretamente duas trincheiras do atraso: o empolado judiciário e o monopólio familiar da grande mídia. O episódio do falso grampo, no qual a A POLÍCIA FEDERAL teria concluído que não houve grampo ilegal nos telefones do então presidente do STF, Gilmar Mendes, no episódio em que foi divulgado diálogo com o senador Demóstenes Torres (DEM-GO) (Veja no Nassif), expõe a associação espúria entre o judiciário e o sistema das organizações de mídia, que atuaram em conjunto dando ar de veracidade em uma história falsa.

O grampo sem áudio é um grito de desespero de um judiciário que não pode mais se sustentar e de uma mídia que parece ter perdido uma fatia do monopólio da fala.

O grampo sem áudio equivale à tortura na ditadura porque trabalha sobre o desconhecimento da população, no submundo, na ilegalidade, na animalidade mais torpe do ser humano; ele funciona na cabeça dos que o cometeram da mesma forma que a tortura foi para a ditadura: “o trabalho sujo precisa ser feito para manter nossos privilégios”.

Leia mais em Educação Política:

VÍDEO HILARIANTE: A FALHA DA FOLHA DE S.PAULO
DEPUTADO FAZ PROJETO DE FUNDAMENTAL IMPORTÂNCIA PARA A POPULARIZAÇÃO DA INTERNET NO BRASIL
PUBLICIDADE GOVERNAMENTAL: LULA DEU O PRIMEIRO PASSO DE UMA REVOLUÇÃO NA COMUNICAÇÃO, BASTA DILMA APROFUNDAR
FALA SÉRIO OU É PIADA? VEJA MARCELO ADNET COMO UM TUCANO DE MIAMI E O MEDONHO COMENTÁRIO NA RETRANSMISSORA DA GLOBO

72% DOS PROJETOS RELACIONADOS AO PLANO NACIONAL DE BANDA LARGA FORAM EXECUTADOS EM 2010, DIZ ANATEL

No Natal todo mundo conectado!

Este já é o Natal da inclusão digital e é necessário que os próximos continuem avançando em direção a um país onde o acesso a internet rápida seja universalizado e faça parte da realidade de todos. Assegurar o acesso à internet banda larga é dar aos jovens, adultos, crianças e idosos a oportunidade de se inserir em um mundo onde o conhecimento é vasto, onde as possibilidades são infinitas, onde o homem sintonizado com a tecnologia pode reconhecer a si mesmo dentro de um nova plataforma.

Natal é época de solidariedade, de amor ao próximo, sentimentos difundidos por uma tradição cristã que devem existir o ano todo. O fato é que, além da arrecadação de alimentos, roupas, e da série de ajudas que costumam ganhar força nessa época do ano, agora, mais do que nunca, é preciso ofertas informação, conhecimento, oportunidades, coisas que vêm com o acesso à internet.

Por tudo isso, é muito boa a notícia trazida pela Anatel de que, neste ano de 2010, 72% dos projetos ligados ao Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) foram executados e a prioridade se deu nas áreas relacionadas à internet banda larga como forma de garantir a inclusão social, elevação de produtividade e inovação tecnológica na população.

Em texto publicado no site do Fórum Nacional pela Democratização da Informação (FNDC) ainda há outros dados de conquistas positivas ligadas à informação e à massificação da banda larga no Brasil.

Veja trecho:

Mais de 70% dos projetos ligados à ampliação da banda larga foram implementados
Redação

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) informou que 72% dos 28 projetos de curto prazo relacionados ao PNBL (Plano Nacional de Banda Larga) foram executados em 2010.
De acordo com a agência, houve prioridade na implementação das pastas ligadas à internet banda larga como forma de fomentar a inclusão social, elevação de produtividade e inovação tecnológica na população.
O PNBL, publicado em maio deste ano, consta no PGR (Plano Geral de Atualização da Regulamentação das Telecomunicações no Brasil).
Telecomunicações
O saldo do PGR também foi positivo, de acordo com balanço da agência. Em dois anos de existência, 65% das metas de curto prazo foram implementadas. O plano nacional contempla ações para execução em dois, cinco e dez anos.
Segundo a Anatel, 52% dos projetos estão em fase avançada de deliberação e 18% ainda não foram submetidos à consulta pública. Ao todo, 30% dos projetos foram concluídos. (Texto Completo)

Leia mais em Educação Política:

DEPUTADO FAZ PROJETO DE FUNDAMENTAL IMPORTÂNCIA PARA A POPULARIZAÇÃO DA INTERNET NO BRASIL
GOVERNO LULA SOFRE COM A OPOSIÇÃO OLIGOPOLIZADA DA MÍDIA, MAS NÃO É EFICIENTE NA DEMOCRATIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO
DILMA DEFENDE PNBL E PREVÊ AUMENTO DE PRODUTIVIDADE ALIADO A UM BARATEAMENTO DOS CUSTOS
BRASILEIRO PAGA DEZ VEZES MAIS POR BANDA LARGA E O DEM, PARTIDO DO VICE DE JOSÉ SERRA, FAZ O TRABALHO SUJO QUE NEM AS TELES OUSARAM FAZER


%d blogueiros gostam disto: