Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

Arquivos de tags: comentário

O BRASIL TEM UMA DÍVIDA COM A EDUCAÇÃO: UMA NAÇÃO SE CONSTRÓI COM INVESTIMENTO MACIÇO NA EDUCAÇÃO E NA CULTURA DO SEU POVO

Educação Política você faz

Investimento em educação vai quebrar o Brasil

Por: Juliocmcardoso

Guido, educação é investimento ou gasto?

A Câmara Federal aprovou, em 26/06/2012, por unanimidade – e agora a matéria está sendo analisada no Senado – o Plano Nacional de Educação (PNE), que prevê, entre outras metas educacionais, investimento de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) em educação, a ser alcançado no prazo de dez anos. O texto aprovado determina que sejam ampliados os atuais recursos de 5,1% do PIB para 7% no prazo de cinco anos até atingir os 10% ao fim da vigência do plano.
O ministro da Fazenda, Guido Mantega, criticou, dia 4, as medidas aprovadas pelo Congresso. “Isso coloca em risco as contas públicas. Isso vai quebrar o Estado brasileiro”, disse durante o Seminário Econômico Fiesp-Lide, em São Paulo. Explicou o ministro que o país caminha em 2012 para um dos menores déficits fiscais de toda a série histórica, em torno de 1,4% do PIB, bem como que “É com solidez fiscal que se abre espaço para reduzir os juros. Nossa dívida líquida em 35% do PIB é a menor de todos os tempos. Nossa situação fiscal é bastante sólida”.
Causa perplexidade a forma como o ministro Guido Mantega trata a educação no Brasil, quando deveria ser a primeira preocupação dos governos. Investimento em educação não se mede como gastos, senhor ministro. A preocupação com a educação deveria ser um projeto de curto, médio e longo prazo de qualquer governo nacional e a principal prioridade das plataformas governamentais. E o Congresso Nacional está muito certo em aprovar medidas positivas direcionadas ao fortalecimento de nossa educação.
Não se constrói nem se reedifica uma nação sem investimento maciço na educação e cultura de seu povo. O Brasil tem uma dívida com a sua educação que precisa ser purgada não com retóricas ou tergiversações, mas com medidas efetivas que possam responsabilizar qualquer governo.
Ora bolas, que risco poderá comprometer a nossa solidez fiscal com a canalização de recursos para o fortalecimento da escola que irá produzir os alicerces de nossa estrutura social, financeira, econômica etc.? O país poderá quebrar por outras razões, mas não por investimentos educacionais.
Quanto se gasta inutilmente com a manutenção ostentosa dos Três Poderes, em Brasília: salários fabulosos, mordomias, privilégios e tudo o mais? Não se vê do governo federal uma prestação de contas à sociedade do que é arrecadado e onde o dinheiro está sendo aplicado. Por exemplo, não existe no plano federal um índice único de reajuste salarial nos Três Poderes. Por quê? A Constituição Federal no Art.37-X determina uniformidade de índice de reajuste salarial. Agora mesmo os servidores sem concurso dos gabinetes de deputados federais foram reajustados em 30%.
Se o Congresso, acossado pelas críticas sociais, não fizer a sua parte tornando o Plano Nacional de Educação mais consentâneo com as necessidades educacionais, quando o governo tomaria medidas realistas, se ele está mais preocupado em vender a imagem de um Brasil robusto, de solidez fiscal, etc., enquanto graves problemas sociais e educacionais não são combatidos com a competência devida? Não adianta apresentar o doente todo maquiado de cor saudável se o seu organismo não está funcionando bem.

Leia mais em Educação Política:

10% DO PIB EM EDUCAÇÃO PODE SALVAR O BRASIL, MAS O MINISTRO DA FAZENDA, GUIDO MANTEGA, ACHA QUE PODE QUEBRAR O PAÍS
BNDES SUBSIDIA COM O DINHEIRO DO POVO A MAIOR MONTADORA DO MUNDO, COM FATURAMENTO DE 160 BILHÕES DE EUROS EM 2011
10% DO PIB NA EDUCAÇÃO NÃO RESOLVE SE DINHEIRO FOR PARA AS EMPREITEIRAS E NÃO PARA OS PROFESSORES E ALUNOS
DROGADOS PELO DINHEIRO: FISSURA DE SUPER-RICOS SUSTENTA A MISÉRIA DO MUNDO E ABALA AS ECONOMIAS DOS EUA E DA EUROPA

O CORPORATIVISMO IGNÓBIL E CRIMINOSO DOS PODERES DA REPÚBLICA

Educação Política Você Faz
Por Ludovicense

Justiça

Nenhum de nós, que tem um mínimo de discernimento acreditaria que um punhado de “homens de bem” confeccionariam no ano de 1988 uma Constituição da República sem reservar ferramentas que pudessem garantir e perpetuar o poder que há muito tempo transita entre eles. Com raríssimas exceções, toda a estrutura político-administrativa deste país foi minuciosamente arquitetada para manter o povo (o qual detém o verdadeiro poder soberano) longe, bem longe das decisões políticas e governamentais, de modo a cristalizar e concentrar ainda mais o poder de uma pequena casta de brasileiros.
Esse corporativismo abjeto, ignóbil e criminoso que temos visto nos Poderes da República, é apenas mais uma prova viva do engendrado, ardiloso e maquiavélico “plano de poder dos homens da república”, com o pérfido intuito e objetivo de perpetuar o comando e o domínio absoluto, das vontades, dos desejos, das vidas dos brasileiros.
O Brasil é estruturado por três pilares mestres. O Poder Executivo, que administra o país; o Poder Legislativo, que inova no mundo jurídico; e o Poder Judiciário, que aplica as leis no caso concreto. E todos os três são harmônicos e independentes entre si, e em tese, nenhum deles deve prevalecer sobre o outro.
É cediço, que os homens públicos deste país são os maiores clientes do Poder Judiciário, quer seja na seara administrativa, penal ou civil.
E pasmem agora. Todos os membros do STF – a mais alta corte deste país (porque acima deles não existe ninguém, nem Deus;se um Ministro do STF disser que Pau é Pedra, não se discute mais, é Pedra mesmo)-, são cuidadosamente escolhidos pelo Poder Executivo e chancelados pelo Poder Legislativo, en passant, também nutre grande apreço e simpatia por decisões judiciais favoráveis.
Esse sistema foi idealizado para sempre dar certo para eles. É a ágil, intrépida e destemida raposa do rabo felpudo cuidando do galinheiro.
Que comprometimento com a República têm esses senhores, que são carinhosamente conduzidos no mais alto cargo do Poder Judiciário apenas por que são amigos da corte, sendo que num futuro muito próximo esse ‘favor’ será cobrado sem misericórdia. Posteriormente deverão julgar com ‘isenção e imparcialidade’ os ‘padrinhos’ que os conduziram ao cargo de julgadores, de toda e qualquer ‘leviana e infundada acusação’ que paire sobre suas imaculadas e íntegras cabeças.
É com pesar que faço essa leitura de nosso país.
Talvez, com alguma sorte, e muitos anos de desenvolvimento sociocultural, esse odioso e aterrador estado de coisas se modifique no futuro.
Mas, infelizmente, por agora, temos que conviver com pessoas inteiramente desprovidas de escrúpulos ou qualquer outro sentimento que se aproxime ou chegue perto da solidariedade ou fraternidade; absolutamente empenhados e exclusivamente preocupados em defender com unhas e dentes os seus pérfidos interesses pessoais e familiares; esse pessoal representa a mais verdadeira e terrível acepção da palavra ‘EGOÍSMO’, exercitam o mais puro e autêntico egoísmo, são praticantes do egoísmo na sua mais alta e intensa dimensão, em detrimento absoluto e indignidade de toda uma nação.
Esse senhor que compõe o STF, é apenas mais um nesta República de Bananas, que está reproduzindo o que vem sendo praticado há anos neste país: O imaculado e angelical egoísmo estatal.
Pessimismo à parte, desejo um excelente ano de 2012, que todos nós consigamos concretizar nossos projetos pessoais e profissionais.

Leia mais em Educação Política:

CORREGEDORA DO CNJ, ELIANA CALMON, ABALOU AS ESTRUTURAS DO CENTRO IRRADIADOR DA DESIGUALDADE SOCIAL E ECONÔMICA
CORREGEDORA DO CNJ, ELIANA CALMON, TENTA CONTER CORRUPÇÃO E O ESTADÃO E A FOLHA DIZEM QUE HÁ CRISE NO JUDICIÁRIO
ASSOCIAÇÕES DE JUÍZES SÃO MENTIROSAS, MALEDICENTES E IRRESPONSÁVEIS, AFIRMA CORREGEDORA DO CNJ, ELIANA CALMON
SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL FEZ ESCOLA: JOVEM DIZ QUE PODE ATÉ MATAR, MAS DEPOIS PAGA PROPOPINA, OU MELHOR, FIANÇA

INDISCIPLINA É PROBLEMA DO ESTADO E NÃO DO PROFESSOR

O comentário abaixo da leitora Andrea mostra bem a situação de isolamento em que está o professor nas escolas do país. Ele tem de enfrentar uma situação de indisciplina gerado pela sociedade (não pela escola). A escola hoje tem de consertar os problemas da sociedade e  está sozinha nessa batalha.

Isso me fez lembrar o caso dos assassinatos de estudantes em Realengo, no Rio de Janeiro. Depois que aconteceu a tragédia, o governo do Rio de janeiro colocou uma equipe de psicólogos, sociólogos, assistentes sociais. Ora, essa equipe já deveria estar na escola há muito tempo.

É preciso pensar a escola como um grande centro de ensino e recuperação dos problemas sociais gerados pela desigualdade, desonestidade, agressividade e outros fatores. No entanto, os professores estão sozinhos e o Estado está omisso.

Os problemas são muitos, mas vale ressaltar que o cargo de diretor de escola deve ser preenchido com eleições diretas, de quatro em quatro anos, de forma que uma escola não fique condenada por décadas diante de um diretor incapaz. Defini-se alguns critérios, mas é preciso dar maior autonomia para as escolas. É hora de repensar a escola. Veja abaixo o depoimento da professora ao blog Educação Política.

Educação Política você faz
Por Andrea Nogueira
Sou professora e tenho uma turma com muitos problemas de indisciplina, devido a vários fatores, tenho dois alunos extremamente difíceis de lidar, são violentos, não têm respeito com o professor, direção e com os colegas, são indiferentes a qualquer tipo de orientação, acham que podem fazer o que quer na hora que eles bem entenderem…
Isso é problema só do professor?
A resposta é sim, para a direção e supervisão dessa escola, que anuncia em alto e bom tom, que o problema de indisciplina na sala de aula é problema do professor…
Diante desse caso, eu pensei claramente, que um desses meus alunos, teriam coragem sim de me dar um tiro…
Muitos de nós professores, estamos sozinhos, infelizmente.
O aluno não responsabilidade só do professor, toda a escola precisa ser uma única celula, em prol do bem do aluno, mas não é isso com que me deparo, lá onde leciono, ainda existe uma cultura de que problema de indisciplina se resolve aplicando atividadades, não importando a qualidade, se o professor tera como corrigir e intervir…
Em respeito aos alunos e pais, não me desliguei desse escola, mas não continuarei lá no proximo ano… Antes achava que o problema da educação, era devido a má formação, salários baixos e desmotivação do professor, mas agora sei, que enquanto houver diretores com cargos indicados por politicos e sem comprometimento com o aluno, esse problema ira persistir e casos como esse, irão se repetir…

Leia mais em Educação Política:

MUNICÍPIOS MUITO RICOS INVESTEM EM TIMES DE FUTEBOL E CLUBES NA LIGA DE VÔLEI ENQUANTO A EDUCAÇÃO PERMANECE COM ÍNDICES BAIXOS
ESTUDANTES CHILENOS PEDEM MAIS INVESTIMENTO E MAIOR COMPROMETIMENTO DO ESTADO COM A EDUCAÇÃO
CASOS DO JOGADOR EDMUNDO E DO JORNALISTA PIMENTA NEVES MOSTRAM QUE POPULAÇÃO PAGA CARO PELA ESTUPIDEZ DO PODER JUDICIÁRIO
PARABÉNS PROFESSORA AMANDA GURGEL, MAS PARABÉNS NÃO BASTA, É PRECISO INVESTIR EM EDUCAÇÃO E NÃO FICAR NOS PARABÉNS

INTERNAUTA DIZ QUE VAI COMEMORAR A VITÓRIA DA DILMA E A DERROTA DO PIG COM MUITA CERVEJA

Por Ana Acevedo

Nem sei se vibro mais com a vitoria da companheira Dilma, a primeira mulher que subirá a rampa eleita pelo povo para presidir o país, ou se com a derrota dessas empresas mafiosas, que sempre mandaram na vida politica e economica do Brasil. Mandaram até FHC é bom que se frise. Com Lula foi diferente e continuará a ser com a sua sucessora.

No dia 03 irei comemorar a vitoria de Dilma e a derrota do PIG com muita cerveja e muita alegria.

PIG- Partido da imprensa Golpista

Leia mais em Educação Política:

INTERNAUTA: VELHA MÍDIA ACELERA SUA INEXORÁVEL DECADÊNCIA FRENTE ÀS NOVAS TECNOLOGIAS

Por Chico Cherrito

Apesar desse jornalismo, Lula não moveu um único processo contra a imprensa

A velha mídia ainda acelera sua inexorável decadência frente as novas tecnologias.
Em vez tentar reagir e aprimorar sua qualidade efetiva, procurando noticiário, análises e opiniões equilibradas e abalizadas, continua a utilizar do espaço jornalístico para a manipulação de notícias no atendimento a seus imediatos interesses empresariais e políticos, por vezes de cunho oligopolista e pré capitalista.
Do tipo dos que defendem a livre concorrência, mas não em seus quintais, do tipo dos que julgam o interesse público subordinado a seus interesses privados e mesmo os que se consideram proprietários de concessões públicas de rádio e televisão.
Assim ao invés de ter em seus quadros exclusivamente colunistas sérios, com compromisso apenas com a pretensa verdade de cada um e com a sociedade, mantém um rol de colunistas (ou colonistas?) de esgoto, de aluguel, ou como queiram chamar, que com argumentos risíveis, fascistas e falaciosos, caluniam os que discordam de seus chefetes e defendem, a qualquer custo os interesses políticos e corporativos de seus patrões.
Depois não sabem porque a venda em banca seguidamente despenca e as assinaturas são mantidas quase que por assinantes idosos e por venda de brindes disfarçada.
As novas gerações não perdem tempo lendo essa bobagem.
O precipício é inevitável não adianta chorar na ANJ, na ABERT ou em outras organizações tão sem importância ou relevância como essas.
E esses “democratas” ainda querem censurar ou cercear os blogs, a rede.
São mesmo uns idiotas, uns patetas, querem o impossivel.

Leia mais em Educação Política:

EDUCAÇÃO POLÍTICA ATINGE 50 MIL ACESSOS

O blog Educação Política atingiu 50 mil acessos em menos de 7 meses de existência. É a internet, a rede mundial de computadores, que constrói essa nova comunicação. Uma comunicação que elimina a exclusividade da informação e multiplica os espaços públicos.

A internet está permitindo à comunicação e ao jornalismo uma multiplicidade de vozes, pensamentos e ideologias.

Aos leitores e internautas, muito obrigado.

CASO ELOÁ: LEITORES COMENTAM AÇÃO DA POLÍCIA DURANTE SEQÜESTRO EM SANTO ANDRÉ

Patrício Angelo Costa

Para ser honesto, a forma como a polícia agiu nesse caso, deixou muito a desejar. Somente depois que terminou esse fatídico sequestro é que foram entrevistar o Pai do rapaz! Por que não entrevistaram antes? Imaginem que se a polícia conseguisse trazer esse homem (o qual o filho não o via há mais de vinte anos); já imaginaram a reação desse rapaz! quem duvida que se tentassem levar também a mãe àquele local de sequestro, seu final não poderia ser diferente!
Afinal, agora e somente agora é que ficamos sabendo que o rapaz tinha uma deficiência comportamental, talvez (que assim o digam os profissionais) motivado pela ausência prolongada de seu pai do seu convívio.
Também fico me questionando por que nesses casos a polícia não utiliza de pessoas treinadas para fazer esses contatos, como por exemplo Padres, Pastores, Psicólogos? Que essa “dica” seja utilizada em casos futuros, depois digam se o resultado não foi diferente!

De CASO DO SEQUESTRO DE ELOÁ E GREVE DA POLÍCIA CIVIL: É ASSIM QUE SERRA VAI GOVERNAR O BRASIL EM 2010?, 2008/10/23 at 3:33 PM

Donizete Nunes Cavalcante

Aconpanhei este caso desde que foi noticiado e não culpo a polÍcia por está tragédia pois eles fizeram o que foi possivel para salva-la tiveram muita paciência com este desiquilibrado. mas infelizmente teve este final triste espero agora que nossas autoridades não fiquem tratando-o como coitado mas que julgem este caso com seriedade e competência.  Isto que nós cidadão queremos pois estamos vivendo o outro lado da moeda onde o criminoso é protegido e a vitima é desanparada.

De APAGÃO NA SEGURANÇA DE SÃO PAULO:CENAS DA AÇÃO DA POLÍCIA NO SEQUESTRO DE ELOÁ PARECEM TIRADAS DE UM FILME DOS TRAPALHÕES, 2008/10/21 at 1:32 PM

Maurício Sousa

No caso Eloá, o governo de São Paulo tem uma grande parcela de culpa, isso a imprensa não comenta… A polícia Militar fez seu trabalho, utilizando de todos recursos a ela disponiveis, explorando conhecimentos adquirido do “Estado”, ou seja, é mal preparada… Infelizmente o resultado não foi satisfatório…. Afinal, quem tinha uma especialização um pouco superior para gerenciar e ao final ter um desfecho mais favorável para as vítimas, sem dúvida seria a Polícia Civil, a qual o governo fez pouco caso e está fazendo, acreditando que a Polícia Militar seria capaz de preencher a lacuna causada pela ausência da Polícia Civil…. Volto a afirmar a Polícia Militar não tem culpa, ela desenvolveu seu trabalho em conformidade a seu preparo……

De CASO DO SEQUESTRO DE ELOÁ E GREVE DA POLÍCIA CIVIL: É ASSIM QUE SERRA VAI GOVERNAR O BRASIL EM 2010?, 2008/10/20 at 7:18 PM

INTERNAUTA: EDUCAÇÃO DE QUALIDADE PRECISA DE TECNOLOGIA E INCENTIVOS FINANCEIROS

Por Margarete Joaquina da Rosa


Considerando que estamos no século XXI, nada mais do que justo que o professor seje respeitado pela sociedade brasileira. Com a Lei 11.738 (07/08) abre-se uma expectativa no quadro do magistério.

Há de se convir que vivemos em um país capitalista onde os valores materias se sobresaem em ralação a outros.

Considerando as dificuldades enfrentadas pelo professor que, além de receber uma remuneração aquém das expectativas, não dispões de material didático de qualidade, vive competindo com a tecnologia das ruas (lan house, vidio games entre outros) oferecidos em qualquer esquina, o professor “coitado” continua com o quadro e giz para entreter e despertar o interesse de seus alunos.

Creio que para alcançarmos uma educação de qualidade, tem que haver incentivos tanto financeiro, quanto o ambiente de trabalho, e implementação da tecnologia, alem da formação contiuada…

abraços !! Parabéns o caminho é este…

Comentário sobre EDUCAÇÃO: NOSSA UTOPIA

Leia também em Educação:

ENQUANTO O PROFESSOR NÃO FOR VALORIZADO, O BRASIL NÃO MUDA

MEC LANÇA PROGRAMA PARA FORMAR 100 MIL PROFESSORES POR ANO PARA A REDE PÚBLICA

SECRETÁRIOS DE EDUCAÇÃO QUEREM AFUNDAR UM DOS MAIORES AVANÇOS NA EDUCAÇÃO DO BRASIL

OLHA A DECLARAÇÃO DA SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO

AÉCIO E SERRA (PSDB) PAGAM PARA PROFESSOR A METADE DO QUE PAGA BINHO MARQUES (PT)

EDUCAÇÃO POLÍTICA ATINGE 2.000 VISUALIZAÇÕES

Este blog, iniciado em 01 de maio de 2008, atingiu 2 mil visualizações no período de pouco mais de dois meses. Na última semana, tivemos vários recordes quebrados. No último sábado, dia 5, tivemos 161 visualizações. Ontem, novo recorde, com 172 visualizações em um único dia.

Veja o crescimento nas estatísticas de maio, junho e julho:

No primeiro mês (maio) foram 212 visualizações.

No segundo mês (junho) foram 1.014 visualizações.

Na primeira semana de julho foram 814 visualizações.

Veja abaixo os recentes comentários dos leitores que ajudaram a construir esse espaço de comunicação, junto com o link para os textos que eles comentaram. (comentários enviados até domingo, dia 6).

EDUCAÇÃO POLÍTICA É VOCÊ QUEM FAZ – 3

Bruno

Esse piso é jogada política, pois a maior parte dos professores não é de 40 hs semanais

De ÓTIMA NOTÍCIA: PROFESSORES TERÃO PISO NACIONAL DE R$ 950, 2008/07/06 at 7:56 PM

JUCINEIA

No município de Manga-MG, a secretária alegou que a prefeitura só poderar pagar em 2010(talvez).

De ÓTIMA NOTÍCIA: PROFESSORES TERÃO PISO NACIONAL DE R$ 950, 2008/07/05 at 7:42 PM

Mariana Dorigatti
http://mdorigatti.blogspot.com

Oi professor tudo bem?
está ficando muito bom o blog sobre educação política, gostei em especial do artigo sobre automóveis.
Queria só divulgar o que eu estou montando ainda.

Um abraço!

De BLOGOSFERA X MÍDIA, 2008/07/05 at 7:01 AM

Luís Mello

Sei não, Glauco…

Segundo o relato de um cidadão cubatense, Moésio Rebouças, na “casa do povo” o povo não pode se expressar:

http://br.groups.yahoo.com/group/libertarios/message/13750

“é proibido se manifestar nas galerias”

Meu comentário:

As conseqüências da instauração da monarquia no Brasil penduram até hoje… o que mais explica as “pretensões nobilísticas” de nossa elite política/industrial/latifundiária?

De O QUE TEME O PRESIDENTE DO SUPREMO, GILMAR MENDES?, 2008/07/04 at 9:38 PM

Alexandre

Caro Glauco, boa noite! Concordo que a jornalista Lúcia Hippolito exagerou ao dizer que o presidente Lula não tinha feito nada antes de ser presidente, mas discordo de você quanto a tese dela. Nitidamente, ela se referia ao fato de Lula nunca ter exercido cargo executivo antes de se tornar presidente. A comparação com o Dunga é válida neste sentido. Se o presidente Lula tivesse sido governador de São Paulo antes, não resta dúvida que ele teria uma bagagem maior para administrar o país. E deste ponto de vista, considero a afirmação da cientista-política correta. Um abraço.

De LÚCIA HIPÓLITO OU PORQUE A REDE GLOBO PERDE AUDIÊNCIA, 2008/06/30 at 9:36 PM

Luís Mello

Da última vez em que se temeu pela “segurança nacional” no Brasil, era 1964… o governo Yeda, ao se ver encurralado, partiu para o ataque, na melhor tradição golpista brasileira.

De RIO GRANDE DO SUL, CAOS TAMBÉM NA JUSTIÇA, 2008/06/27 at 8:48 PM

%d blogueiros gostam disto: