Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

Arquivos de tags: dimuição

NÚMERO DE MORTES CAUSADAS PELA DENGUE CAIU 80% NOS QUATRO PRIMEIROS MESES DO ANO, PRÓXIMO PASSO É CRIAR UMA VACINA PARA DOENÇA

Os número são positivos para a dengue no Brasil. Nos quatro primeiros meses desse ano, o número de casos graves da doença caiu cerca de 87% e o número de mortes, no mesmo período, também caiu em 80%. O estados que concentram maior número de casos da doença são Rio de Janeiro (80.160), Bahia (28.154) e Pernambuco (27.393).

O repasse de R$ 92 milhões para 1.158 municípios como adicional de 20% aos recursos regulares para o combate à doença são vistos como uma das causas da diminuição do número de casos em uma época onde geralmente eles são altos: o verão.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, acredita que a estratégia de combate à dengue com foco no mosquito está ultrapassada, “o novo enfoque da pasta está na integração de ações de cuidado à saúde, como redução do tempo de espera para diagnóstico e início do tratamento”, diz ele em notícia publicada pela Agência Brasil.

Além disso, ele lembra que o Brasil continua investindo na criação de uma vacina contra a dengue, com três estudos em andamento.

Veja trecho da notícia:

Mortes provocadas pela dengue caem 80% nos primeiros quatro meses do ano
Por Paula Laboissière

Brasília – Pesquisa divulgada hoje (17) pelo Ministério da Saúde revela uma queda de 87% no número de casos graves de dengue registrados no país nos quatro primeiros meses do ano – foram 8.630 em 2011 contra 1.083 em 2012.

De acordo com o estudo, o número de mortes provocadas pela doença também caiu durante o mesmo período, passando de 374 em 2011 para 74 em 2012. Houve redução de 80%.

Ao todo, 286.011 casos de dengue foram notificados em todo o país entre janeiro e abril deste ano, o que representa uma queda de 44% em relação ao total registrado nos quatro primeiros meses de 2011 (507.798 casos).

O levantamento mostra que dez estados concentram 81,6% dos casos notificados em 2012 – Rio de Janeiro (80.160), Bahia (28.154) e Pernambuco (27.393) lideram o ranking. Já os municípios com o maior número de casos são Rio de Janeiro (64.675), Fortaleza (10.156) e Recife (6.343).

Considerando a incidência da dengue (proporção de caso para cada 100 mil habitantes), as três cidades com as maiores taxas no país são Palmas (2.494,7), Itabuna (1.445,3) e Rio de Janeiro (1.045,4).

O estudo mostra que todos os quatro tipos de dengue permanecem em circulação no país, sendo que, nos quatro primeiros meses deste ano, os tipos 1 e 4 foram os mais comuns, com 59,3% e 36,4% de um total de 2.098 amostras positivas.

A distribuição dos subtipos, entretanto, apresenta variações de acordo com a localidade. No Norte, houve predominância do tipo 4 (85,5%). Nas regiões Sul (83,8%) e na Nordeste (81,5%). Já no Centro-Oeste, a circulação desse tipo de vírus ficou em 53,3% e no Sudeste, 49,7%.

O secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, lembrou que o verão constitui o período em que ocorre mais transmissão de dengue no Brasil. Segundo ele, 95% dos casos da doença são registrados no primeiro semestre do ano. (Texto completo)

Leia mais em Educação Política:

ENTIDADE PRODUZ VÍDEO SOBRE ABORTO E SAÚDE PÚBLICA
APESAR DAS VANTAGENS DO USO DA BICICLETA NAS CIDADES, O CICLISTA AINDA É UM DOS USUÁRIOS MAIS VULNERÁVEIS NO TRÂNSITO
APESAR DOS DADOS POSITIVOS DA DENGUE ESSE ANO, SURTO DA DOENÇA AINDA AMEAÇA 91 CIDADES
BIOINSETICIDA EM FORMATO DE COMPRIMIDO PROMETE SER MAIS UM ALIADO PARA COMBATER A DENGUE NO PRÓXIMO ANO
%d blogueiros gostam disto: