Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

Arquivos de tags: nordestinos

IRONIAS DA VIDA: RACISTAS DE SÃO PAULO DEVERIAM AGRADECER AO EX-PRESIDENTE LULA, O NORDESTINO

Uma questão de QI

Os racistas de São Paulo e de outras regiões do Sudeste e Sul do país deveriam agradecer ao ex-presidente Lula.

No governo Lula, como mostra o IBGE, o número de migrantes caiu praticamente pela metade. Ou seja, Lula evitou que os nordestinos saíssem do local onde vivem e viessem para São Paulo tentar a vida. Não com políticas xenofóbicas e excludentes como as da Europa e Estados Unidos. Lula foi mais inteligente; criou condições melhores de vida para as regiões que mais tinham migrantes.

A ironia da vida é que racistas devem agradecer ao nordestino.

Pensando melhor, talvez não seja ironia, mas uma questão de QI (coeficiente de inteligência, mesmo), visto que o racista trabalha sobre uma lógica imbecilizante: confunde alma com corpo e esconde, por trás do racismo, uma reserva de mercado para sua incompetência.

Veja matéria sobre o tema:

IBGE aponta queda em migrações entre regiões

Isabela Vieira
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – Pesquisa divulgada hoje (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra mudanças nas migrações entre as regiões do país. O estado de São Paulo não exerce a mesma atração de duas décadas atrás, e o Nordeste não é mais a principal área de emigração.

De acordo com o levantamento, o número de migrações entre regiões vem apresentando queda. De 1995 a 2000, 3,3 milhões de pessoas deixaram a região em que viviam. O número caiu para 2,8 milhões, entre 1999 e 2004, e chegou a 2 milhões no período de 2004 a 2009.

A Região Sudeste, entre 2004 e 2009, teve mais emigrantes do que imigrantes (saldo de 12,4 mil) e o Nordeste, de onde partia boa parte de pessoas em busca de melhores condições de vida em outras regiões do país, perde população em escala menor.

A pesquisa também mostra que, na maioria dos estados brasileiros, o fluxo de imigrantes e de emigrantes é praticamente igual. Entre 1999 e 2009, mesmo áreas consideradas tipicamente emigratórias ou aquelas potencialmente atrativas registraram trocas equilibradas.

Edição: Talita Cavalcante e Juliana Andrade

Leia mais em Educação Política:

CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR É INCAPAZ DE CONTER O ESTELIONATO DAS EMPRESAS DE TELEFONIA, COMUNICAÇÃO E MÍDIA
LUCIANO COUTINHO, DO BNDES, E MEGA EMPRESAS VÃO LEVAR O BRASIL PARA O BURACO CAVADO NOS ESTADOS UNIDOS
EMPRESAS DE TELEFONIA SÃO O CUSTO BRASIL E EMPERRAM O DESENVOLVIMENTO DO PAÍS
NOVO SECRETÁRIO DA EDUCAÇÃO DE SÃO PAULO SÓ FALTOU DIZER QUE 16 ANOS DE PSDB NO GOVERNO FOI UM DESASTRE PARA OS PROFESSORES E PARA A EDUCAÇÃO

A FORÇA DOS 140 CARACTERES: TWITTER CONTINUA SENDO MEIO DE EXTERNALIZAR PRECONCEITOS

Melhor ficar só nos 140...

Depois do episódio recente em que uma estudante de direito foi ao twitter manifestar todas as suas opiniões a respeito dos nordestinos que, segundo ela, teriam sido os responsáveis pela vitória da atual presidente Dilma Rousseff nas últimas eleições, novamente um episódio parecido é desencadeado na rede social.

Dessa vez, torcedores revoltados com a eliminação de seu time em função de um empate com um time nordestino, usaram dos 140 caracteres para compor declarações visivelmente racistas e preconceituosas. Como foi dito em post anterior que abordou o episódio envolvendo a estudante de direito, o que fica visível em casos como esse é a total falta de respeito em relação ao outro.

O que muitas pessoas não percebem é que há sempre um limite quando do uso das palavras e, por incrível que pareça, os poucos caracteres do twitter têm feito muito barulho, tanto para o bem, quanto para o mal!

Veja trecho de notícia publicada pela Folha de S.Paulo sobre o assunto:

Comentários contra nordestinos causam revolta no Twitter
Da Redação

Comentários ofensivos a nordestinos provocaram uma onda de revolta entre usuários do serviço de microblogs Twitter nesta quinta-feira.

OAB diz que vai à Justiça contra mensagens ofensivas

Por volta das 11h50, 3 dos 10 assuntos mais comentados na rede social no país eram relativos ao assunto. Dois dos assuntos também entraram na lista do “trending topics” mundial.

A revolta começou na noite de quarta-feira (11), no final da partida entre Flamengo e Ceará pelas quartas de final da Copa do Brasil, que acabou em um empate que eliminou o time carioca.

Por volta das 0h, uma torcedora que se identifica como Amanda Régis escreveu: “Esses nordestinos pardos, bugres, índios acham que tem moral, cambada de feios. Não é atoa que não gosto desse tipo de raça” [sic]. (Texto completo)

Leia mais em Educação Política:

SENSACIONAL: CAPA DA REVISTA VEJA EM 1888, ÀS VÉSPERAS DA ABOLIÇÃO DA ESCRAVATURA
PROPOSTA DE REFORMA TRIBUTÁRIA NÃO RESOLVE PROBLEMAS COMO A DESIGUALDADE NA ONERAÇÃO DE POBRES E RICOS
DILMA ROUSSEFF DEVERIA NEGOCIAR COM O PARAGUAI O FIM DO COMÉRCIO DE ARMAS NA FRONTEIRA PARA COMPENSAR ITAIPU
NA SOCIEDADE DO CULTO AO DESCARTÁVEL, QUANTIDADE DE LIXO AUMENTA MAIS QUE CRESCIMENTO DA POPULAÇÃO
%d blogueiros gostam disto: