Educação Política

mídia, economia e cultura – por Glauco Cortez

Arquivos de tags: publicidade governamental

PUBLICIDADE GOVERNAMENTAL: LULA DEU O PRIMEIRO PASSO DE UMA REVOLUÇÃO NA COMUNICAÇÃO, BASTA DILMA APROFUNDAR

Franklin Martins teve coragem histórica de discutir a mídia

O governo do presidente Lula deu o primeiro passo de um processo que pode fazer uma revolução na mídia sem a necessidade de negociar com os “os 300 picareta do congresso”,  simplesmente porque não precisa de nova legislação. Basta vontade política e um pouco de coragem, basta cumprir o ideal ou o objetivo de qualquer governo, ou seja, distribuir renda também entre as empresas.

A grande revolução pode acontecer se Dilma Rousseff assumir o compromisso ético de não dar mais do que 5% da verba publicitária governamental para um único grupo de comunicação de determinado segmento. Do jeito que está é um obscenidade, uma empresa fica mamando no governo com 30, 40 ou 50% da verba de todo o país. Isso é um escândalo.

Veja os gráficos abaixo e veja  o processo iniciado por Lula.  O PSDB entregou o governo distribuindo dinheiro para 499 empresas  de comunicação. Lula deixa o governo distribuindo a verba do governo federal para 7.047.  Isso é que eu chamo de sair do feudalismo para o capitalismo.

No segundo gráfico, observe como cresceu o número de empresas de comunicação por segmento (rádio, TV, jornal, revista), que recebeu dinheiro do povo brasileiro. É impressionante. Para Venício Lima, esse é um dos motivos da ira da grande mídia. A ideologia se chama $$$$$.

Vi no Vi o Mundo, no texto de Venício Lima

Veja mais em Educação Política:

FALA SÉRIO OU É PIADA? VEJA MARCELO ADNET COMO UM TUCANO DE MIAMI E O MEDONHO COMENTÁRIO NA RETRANSMISSORA DA GLOBO
IMPRESSIONANTE: MINISTRO DA EDUCAÇÃO, FERNANDO HADDAD, CONVIDA REDE GLOBO A FAZER JORNALISMO SÉRIO
NUNCA ANTES NA HISTÓRIA DESTE PAÍS: BRASIL ELEGE UM PROJETO POLÍTICO E NÃO UM LÍDER
QUEM VAI QUESTIONAR A CONCESSÃO DA REDE GLOBO? EDIÇÃO DO JORNAL NACIONAL FOI IRRESPONSÁVEL E FICCIONAL
%d blogueiros gostam disto: