Categorias
O JORNALISMO

VÍDEO: TODO ANO TEM REPÓRTER NA BEIRA DA RODOVIA, MAS É BOM TOMAR CUIDADO PARA NÃO MORRER ATROPELADO

Veja mais em Educação Política:

INCOERÊNCIAS NACIONAIS: A SEXTA MAIOR ECONOMIA DO MUNDO PAGA UM DOS PIORES SALÁRIOS AOS SEUS PROFESSORES
SENSACIONAL: CARNAVAL 2012 DA ESCOLA DE SAMBA DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO BRASIL, UNIDOS DA IMPUNIDADE
HUMOR: QUE SITUAÇÃO, A MARVADA DETONA, MAS A BAILARINA TERMINA COM ESPACATO
YOGA PARA OS AMANTES DE VINHO: TODO O PRAZER EM RELAXAR
Categorias
AGÊNCIA EP NOTÍCIA

EX-MINISTRO DA COMUNICAÇÃO DIZ QUE AVANÇO NA PRODUÇÃO DE REPORTAGENS É ESSENCIAL PARA QUE BLOGOSFERA NÃO SE TORNE “GRILO FALANTE” DA IMPRENSA

Reportagem pode ser caminho para blogosfera trazer novamente à tona "jornalismo heroico"

O ex-ministro da Comunicação do governo Lula, Franklin Martins, falou de forma bastante otimista sobre o futuro das comunicações no Brasil em seminário promovido pela Altercom (Associação Brasileira de Empresas e Empreendedores da Comunicação), realizado em São Paulo na última segunda-feira.

Como mostra notícia publicada pela Rede Brasil Atual, para o ex-ministro, a blogosfera cumpre um importante papel na conjuntura atual, no entanto, um dos seus grandes desafios estaria em avançar na reportagem. Ou seja, ao invés de somente comentar o conteúdo ou a falta de conteúdo da grande mídia, a blogosfera precisaria produzir seu próprio conteúdo na opinião de Franklin e assim, ter mais condições de se impor diante dos grandes meios de comunicação.

O ex-ministro falou em uma espécie de “central de reportagem autônoma”, que potencializaria a democratização da informação viabilizada pelo baixo custo na produção de conteúdo na rede. “O modelo seria o de uma central de uma rede de veículos que captaria recursos, absorveria e remuneraria a produção. O conjunto de publicações na internet, seja de portais de notícia, seja de blogues, reproduziria as reportagens, permitindo ampliar a visibilidade da produção. “Sozinho, ninguém tem ‘bala na agulha’ para isso”, avalia.

Não deixa de ser algo a se pensar. A blogosfera precisa se preparar para falar sobre aquilo que a grande mídia já não fala, dar a informação que eles omitem por interesse ou simplesmente porque boa parte da realidade já não lhes interessa. Em outras palavras, trata-se da velha receita de deixar de lado um pouco a opinião e produzir informação de fato.

Mesmo assim, o ministro lembra que os bons momentos do jornalismo começaram com muita opinião, com a vontade de dizer, comentar os abusos ou as omissões, fazer valer a “justiça dos fatos”, e só depois, surgia a necessidade de produzir informação e se transformar em meio condutor dela.

Potencial a blogosfera já demonstrou que tem para fazer de fato um outro jornalismo, oposto a esse feito pelos jornais do Brasil que, como lembrou Franklin, “são muito ruinzinhos, não se pautam pelo imponderável da notícia, mas pelos seus próprios preconceitos”.

Veja trecho da notícia:

Para Franklin Martins, blogosfera pode reviver jornalismo “heróico”
Ex-ministro defende central alternativa de conteúdo como forma de ampliar a distribuição democrática da informação
Por Anselmo Massad

São Paulo – O jornalista e ex-ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom) Franklin Martins defende a necessidade de a blogosfera avançar na produção de reportagens. Ele acredita na retomada do que ele chama de “período heróico do jornalismo” com a ampliação do papel da internet como fonte de informação pela sociedade

Franklin, que ocupou o cargo no segundo mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, fez um discurso assumidamente otimista sobre o horizonte da comunicação no país. Ele participou do seminário “Mercado Futuro de Comunicação”, organizado pela Associação Brasileira de Empresas e Empreendedores da Comunicação (Altercom) em São Paulo, nesta segunda-feira (5). O evento é voltado a discutir as oportunidades do setor nos próximos anos, especialmente para pequenas e microempresas.

Falando a um público de editores de publicações alternativas, produzidas fora de conglomerados de mídia, o jornalista defendeu a necessidade de se evitar o estigma da segmentação. “Ser alternativa não é segmento, é fazer jornalismo alternativo, de grande qualidade onde o espaço público prevaleça sobre o privado”, definiu.

A blogosfera, avaliou, embora cumpra uma importante função de “grilo falante” da imprensa, como Martins se acostumou a defender, “não conseguiu avançar na reportagem”. A maior parte da produção vai no sentido de qualificar ou desqualificar o conteúdo publicado pela velha mídia, o que foi importante para revelar a verdade em episódios como o plágio de um artigo do ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) em maio de 2010, e o que ficou conhecido como o “caso da bolinha de papel” atirada em José Serra (PSDB) durante a campanha eleitoral do ano passado. (Texto completo)

Leia mais em Educação Política:

DEBATE SOBRE A REGULAÇÃO É IMPRESCINDÍVEL PARA QUE UMA CONCENTRAÇÃO DE PODER CADA VEZ MAIOR NAS MÃOS DAS TELES NÃO ACONTEÇA, DIZ FRANKLIN MARTINS
INSTITUTO ALANA ENTREGA TROFÉU DE MANIPULADORA PARA MATTEL PELA GRANDE QUANTIDADE DE PROPAGANDA AO PÚBLICO INFANTIL
ENTIDADES SE POSICIONAM CONTRA O FECHAMENTO DE CERCA DE 150 RÁDIOS COMUNITÁRIAS PELA ANATEL EM DOIS MESES
ÚNICO MOVIMENTO NACIONAL DAS RÁDIOS COMUNITÁRIAS, HÁ 15 ANOS A ABRAÇO LUTA PELA DEMOCRATIZAÇÃO DA COMUNICAÇÃO
Categorias
O JORNALISMO

JORNALISMO MULTIMÍDIA: REPÓRTER ATENDE TELEFONE CELULAR AO VIVO

Repórter atende telefone ao vivo. Os apresentadores seguram a onda, mas a apresentadora também segura é a risada. É o mundo conectado da tecnologia.

 

Veja mais em Educação Política:

FURO DE REPORTAGEM: PEDIDO DE IMPEACHMENT DE GILMAR MENDES, MINISTRO DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, NÃO É NOTÍCIA
O CASAMENTO REAL DE WILLIAM E KATE MIDDLETON MOSTRA QUE A MÍDIA E O BRASIL NÃO PERDERAM O COMPLEXO DE VIRA-LATA
QUE PAÍS É ESSE? BAFÔMETRO NA LAND ROVER DO AÉCIO NEVES MOSTRA QUE O BURACO É MAIS EMBAIXO
TRAGÉDIA EM REALENGO, NO RIO DE JANEIRO, EXPÕE A IDEOLOGIA TACANHA DA REVISTA VEJA: DESARMAR VAI ARMAR!
Categorias
O MELHOR REMÉDIO

HUMOR REAL: BÊBADO DRIBLA JORNALISTA ABSTÊMIO

A vida de jornalista não é fácil. Veja só que o bêbado dá um baile e praticamente não responde nenhuma das perguntas. Vi no blog do Paulinho.

Veja mais em Educação Política:
NATUREZA: A AGILIDADE DO CÁGADO E SEU ATAQUE À POMBA
VELHOS POEMAS
O PRESIDENTE DOS ESTADOS UNIDOS, BARACK OBAMA, GOSTOU MESMO DO JEITO DO PRESIDENTE LULA
O SEGURO DA IRRESPONSABILIDADE DO MERCADO FINANCEIRO É A CHANTAGEM QUE PODE FAZER A GOVERNOS
A MÍDIA VESTIU MODELITO CLÁUDIA KRISTINA PARA NINGUÉM VER GILMAR MENDES COMER CHOCOLATE